• Português
  • Central de Atendimento Fomento Paraná - Novembro Azul - Vamos judar a combater o câncer de próstata
  • ligeirão
  • Unidade Móvel
  • milho
  • Maringá
  • afpr
  • torrado
  • barreado
  • afpr
  • pinheiros1
  • ilha
  • curitiba
  • Se você precisa
  • Paranaguá

Serviços

Notícias

05/12/2017

ADVB-PR premia vencedores do Top de Marketing 2017

A Associação dos Dirigentes de Vendas e Marketing do Brasil – Seção Paraná (ADVB-PR) anunciou nesta segunda-feira (4/12) os vencedores do concurso Top de Marketing 2017, em evento realizado no Pequeno Auditório do Teatro Positivo, em Curitiba.

O diretor de Mercado, Luiz Malucelli Neto, representou a Fomento Paraná, que é uma das patrocinadoras do concurso, que conta com a participação de empresas públicas e privadas que desenvolveram ações de marketing diferenciadas em seis categorias: Indústria, Varejo, Serviços, Comunicação, Startups e PME’s – Pequenas e Médias Empresas, e Social – empresas que tenham desenvolvido projeto em prol da comunidade, com cunho social ou de sustentabilidade.

O Top de Marketing, considerado um dos principais prêmios das áreas de marketing e vendas do Brasil, leva em conta o produto, a publicidade e os resultados.

Entre os principais concorrestes deste ano estavam duas ações de marketing promovidas pelo Governo do Estado. O aplicativo “Menor Preço do Nota Paraná: Big Data a serviço do cidadão paranaense”, que foi o vencedor na categoria “serviço”; e a campanha “Racismo Institucional: chega de fingir que isso é normal”, do Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial, que concorreu na categoria “social”.

Confira os vencedores em cada categoria:

COMUNICAÇÃO: Gazeta do Povo – A Nova Gazeta do Povo.
INDÚSTRIA: Grupo FoxLux – Lançamento linha de pilhas e baterias Foxlux.
SERVIÇO: Governo do Paraná – Aplicativo Menor Preço do Nota Paraná: Big Data a serviço do cidadão paranaense.
SOCIAL: Air Promo – Outubro Rosa Curitiba:O Som da Solidariedade.
STARTUP: Ticket Loko – Revolução no Mercado de Turismo.
VAREJO: Madero – Crescimento na crise.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.