• Português
  • Central de Atendimento Fomento Paraná - Novembro Azul - Vamos judar a combater o câncer de próstata
  • ligeirão
  • Unidade Móvel
  • milho
  • Maringá
  • afpr
  • torrado
  • barreado
  • afpr
  • pinheiros1
  • ilha
  • curitiba
  • Se você precisa
  • Paranaguá

Serviços

Notícias

31/10/2017

Fomento Paraná e Sebrae/PR reúnem 250 agentes de crédito e desenvolvimento

A Fomento Paraná, instituição financeira do Governo do Estado, e o Sebrae/PR (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Paraná) reúnem nesta terça (31) e quarta (1), cerca de 250 agentes de crédito e desenvolvimento em um encontro estadual que acontece nas instalações da Copel em Faxinal do Céu, no município de Pinhão.

O diretor de Mercado da Fomento Paraná, Luiz Malucelli Neto, destaca o encontro como o evento mais importante do ano na parceria com o Sebrae. “É um momento no qual nos reciclamos, nos conhecemos melhor e no qual podemos valorizar as pessoas que fazem com que o Paraná se desenvolva mais rápido levando o microcrédito ao micro e pequeno empresário”, afirma Malucelli. “E vamos premiar essas pessoas por seu desempenho nos municípios, o que representa também um estímulo para que novos agentes se formem.”

Para o gerente de Ambiente de Negócios do Sebrae, Cesar Risseti, o trabalho conjunto das duas instituições está fazendo a diferença em todas as regiões do estado. “É uma política pública que o Governo do Estado e o Sebrae-PR tem levado para todos os cantos”, afirma Risseti. “O crédito da Fomento Paraná tem enriquecido as economias dos municípios e isso tem desacelerado o processo de esvaziamento dos municípios.”

Para ele o encontro faz com que as pessoas percebam a importância de se trabalhar o crédito e do desenvolvimento em suas cidades”Para que as cidades tenham um processo diferenciado, que atraia e sustente as micro e pequenas empresas e os empreendedores ali instalados”, completa.

Durante dois dias os agentes participam de atividades e assistem a palestras motivacionais para conhecer casos de sucesso e conhecer experiências que contribuam com o trabalho nas cidades. Um dos palestrantes é Luiz Quinderé, do Brownie do Luiz, um empreendedor que começou a vender brownies de chocolate para os colegas de colégio, aos 15 anos, e hoje é sócio de uma empresa que fatura mais de oito milhões de reais por ano. Luiz foi reconhecido pela revista Forbes como um dos 30 empreendedores mais promissores abaixo dos 30 anos.

“O primeiro passo para empreender é ter uma ideia, alguma coisa para empreender. Efazer o mínimo possível para viabilizar. Dar um passo de cada vez. Se quer produzir brownie, vai ao mercado, compra açúcar, farinha, ovo, manteiga e Nescau e faz o seu brownie, para ver se dá certo. Seles gostarem, tem mercado”, ensina o jovem.

A palestrante motivacional Adriana Medeiroz, doutora em psicologia existencialista e autora do livro ‘O dia da mudança’, também mandou um recado para o empreendedor sobre o dia da mudança: “É todos os dias. É quando ele se dá conta do poder que ele tem de fazer a sua mudança para buscar alquilo que vai realiza-lo pessoal e profissionalmente. É só estar atento às suas competências, aos seus dons, aos seus talentos e acreditar que pode, porque pode. É só ter esse entendimento, porque nós somo seres cocriadores e podemos criar, porque a mente cria. Precisa ter a mente criando, o sentimento que atrai e a ação que realiza”, defende.

ATIVIDADE — A atuação dos agentes contribui diretamente na competitividade dos pequenos negócios e com a movimentação da economia. Afinal, as micro e pequenas empresas brasileiras são responsáveis por 27% do PIB nacional.

Essa atuação é de importância vital para a efetivação dos dispositivos da Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, especialmente em temas como microcrédito, compras governamentais e desburocratização.

Atualmente a Fomento Paraná possui 243 agentes de crédito credenciados, que respondem por 202 postos de atendimento em todas as regiões do estado. A atuação da rede de parceiros permitiu a contratação de mais de R$ 221 milhões em operações de microcrédito, desde 2011, beneficiando mais de 22,5 mil empreendimentos de micro e pequeno porte ou mesmo de atividades econômicas informais.

O agente de crédito é responsável pelo atendimento inicial e análise da viabilidade de concessão de financiamento de crédito, além de identificar potencialidades regionais e orientar de maneira adequada os empresários interessados em financiamento.


Fonte: Fomento Paraná

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.