• Português
  • cataratas
  • Campo3
  • Unidade Móvel
  • afpr
  • gado
  • Paranaguá
  • Pico Marunbi

  • "Linhas de Crédito para incentivar expansão dos empreendimentos do estado"

  • "Banco do Empreendedor: menores taxas e crédito especial"

  • "Incentivo aos micro e pequenos empreendedores do Paraná"

  • "Fomento Paraná: crédito mais baixo para novos níveis de qualificação empresarial"

  • "Economia local mais forte, próspera e menos vulnerável"

  • "Fomento Paraná: baixas taxas de juros e microcrédito mais atrativo"

  • "Integração econômica com o campo e com as cidades"

  • "Fortalecimento sustentável das atividades econômicas no estado"

Serviços

Notícias

07/06/2011

Programa de Microcrédito faz 10 anos com novas perspectivas.

AENotícias - 07/06/2011

A Agência de Fomento do Paraná (Fomento S.A.) comemorou nesta terça-feira (7) a passagem de 10 anos de criação do Programa de Microcrédito Banco Social do Governo do Estado. Nesse período, o Banco Social aplicou R$ 129 milhões no financiamento de 34.356 projetos, que beneficiaram diretamente mais de 226,3 mil micro e pequenos empreendedores paranaenses.

O próximo passo é levar o programa a todos os municípios do Paraná e alinhar a oferta de crédito com a capacitação dos empreendedores, para fortalecer empreendimentos formais e informais, que representam 99% da base produtiva do Estado.

“Vamos usar a experiência do Programa Bom Negócio, da Prefeitura de Curitiba, e fazer parcerias com a Fecomércio, a Faciap, associações comerciais, prefeituras e universidades estaduais para iniciar ainda neste ano um projeto para capacitar empreendedores de todo o Paraná, inclusive por meio da educação à distância”, disse o presidente da Agência de Fomento, Juraci Barbosa Sobrinho.

O secretário da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, afirmou que o Paraná já tem a melhor legislação de apoio à micro e pequena empresa e ao empreendedor individual, e que o objetivo agora é ampliar e incentivar ainda mais esse segmento econômico.

“Fortalecendo mais o microcrédito, conciliando incentivo fiscal com crédito e capacitação, vamos fazer com que nossos empreendedores se consolidem e se transformem em uma imensa classe média, para dar estabilidade social e econômica e social para o nosso Estado”, disse Hauly.

Na solenidade de comemoração, na sede da empresa, foram homenageados o agente de crédito Fábio Fratta e a microempresária Rosemary Schneider, de 55 anos, simbolizando os milhares de beneficiários do programa. Ela é moradora do bairro Capão da Imbuia, em Curitiba, onde há um ano montou uma loja de chocolates artesanais, em parceria com o filho, Lucas Alberto Broggio, de Curitiba.

Eles receberam R$ 5 mil do Microcrédito para investir na reforma e ampliação da loja e para comprar materiais e pagar em 12 vezes. “Realizei um sonho e isso é tudo de bom. Estou pagando a última parcela e logo vou contratar uma pessoa para trabalhar comigo”, disse ela, que agora é empresária do mercado formal.

JUROS BAIXOS – Referência nacional em programas de microcrédito no Brasil, o Banco Social do Paraná opera com taxas de juros baixíssimas e tem uma das menores taxas de inadimplência. A maior parte dos participantes do programa investe na expansão de atividades.

O programa foi criado em 2001 para atender micro e pequenos empreendedores que normalmente não seriam atendidos pelo sistema financeiro tradicional e conta com a parceria das Secretarias de Estado da Fazenda; Indústria, Comércio e Assuntos do Mercosul; Família e Desenvolvimento Social; do Trabalho e Promoção Social; Sebrae-PR e prefeituras.

O processo de obtenção de crédito pelo Microcrédito é bastante simplificado. São necessários apenas os documentos pessoais, no caso de pessoa física, e os documentos básicos, no caso de empresas. O crédito é liberado num prazo entre 10 e 15 dias. Toda a documentação e os procedimentos estão disponíveis no endereço eletrônico da Agência de Fomento: www.afpr.pr.gov.br.

O programa está aberto a todos os setores da economia, da agricultura e pequenas indústrias à área de comércio e serviços. Em cada projeto, empreendedores com renda bruta anual de até R$ 360 mil podem obter financiamentos de até R$ 10 mil.

O pagamento pode ser feito em até 24 meses, com juros de 0,95% ao mês (mais IOF – Imposto sobre Operações Financeiras). Essa taxa é cinco vezes menor (20%) que a média dos juros de financiamentos para crédito pessoal.

“Cada novo projeto que aprovamos injeta novos recursos na economia regional, fortalece a base produtiva e formaliza novos negócios, o que leva à inserção de milhares de paranaenses no mercado de trabalho formal de trabalho, contribuindo para o resgate da cidadania e da qualidade de vida do empreendedor e de sua família”, afirma a diretora de Operações da Agência de Fomento, Cristina Stephanes, que administra o programa de Microcrédito.

“É gratificante participar desse trabalho porque a gente vê o resultado de forma concreta no dia a dia de cada beneficiado”, disse o agente de crédito Fábio Fratta, da Agência do Trabalhador de Curitiba, que atua no Microcrédito desde 2009.

Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Rosemary Schneider, representante dos empreendedores, recebe homenagem do secretário da Fazenda Luiz Carlos Hauly.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.
Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Rosemary Schneider, representante dos empreendedores, recebe homenagem do secretário da Fazenda Luiz Carlos Hauly.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Juraci Barbosa Sobrinho, diretor presidente (E) e a diretora de operações da Fomento, prestam homenagem ao representante dos agentes de créditos, Fábio Frata.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Andreas Jumes, gerente de operações (E), Cristina Stephanes, Diretora de Operações, Rosemary Schneider, representante dos empreendedores, Juraci Barbosa Sobrinho, diretor presidente e Fábio Frata, representante dos agentes de créditos Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.


Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Juraci Barbosa Sobrinho, diretor presidente da Fomento S/A.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Cristina Batistuti Stephanes, diretora de operações da Fomento S/A.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: secretário da Indústria e Comércio Ricardo Barros.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: secretário da Fazenda Luiz Carlos Hauly.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.



Microcrédito.Agência de Fomento comemora a passagem de 10 anos de Microcrédito.N/F: Juraci Barbosa Sobrinho, diretor presidente da Fomento S/A.Foto: Arnaldo Alves / AENotícias.Curitiba, 07-06-11.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.