Fomento Paraná reúne gestores municipais do norte do estado
01/07/2019 - 17:43

O “Encontro com Gestores da Região Norte”, promovido pela Fomento Paraná, foi realizado na quinta, 27, na sede da ACIM – Associação Comercial e Empresarial de Maringá. O evento integra a nova estratégia traçada pela instituição para capacitação contínua e melhoria da atuação dos agentes de crédito.

O diretor-presidente da instituição, Heraldo Neves, e o diretor de Mercado, Renato Maçaneiro, abordaram os desafios e oportunidades do setor público diante do panorama da economia local, a importância da atuação dos agentes de crédito e do apoio institucional necessário para a ampliação das operações de microcrédito nos municípios.

O fortalecimento dos empreendedores, por meio do crédito orientado e de baixo custo, é fundamental para estimular o desenvolvimento local, e consequentemente contribuir para a geração de trabalho, renda e qualidade de vida nos municípios.

Participaram integrantes dos municípios de Jandaia do Sul, Paranacity, Nova Esperança, Marialva, Colorado, Mandaguaçu, Maripá, Paiçandu, Santa Fé, Ivaiporã, da ACIM, da Secretaria Municipal de Inovação e Desenvolvimento Econômico – SEIDE (Maringá), entre outros.

ASSOCIAÇÕES DE MUNICÍPIOS – Na viagem ao norte do estado os diretores da Fomento Paraná também aproveitaram para participar das reuniões periódicas de duas associações de municípios da região: AMEPAR - Associação dos Municípios do Médio Paranapanema, realizada em Londrina, e AMUVI – Associação dos Municípios do Vale do Ivaí, em Apucarana.

Nos dois encontros a equipe da Fomento Paraná apresentou aos prefeitos as oportunidades para aumentar o volume de crédito disponibilizado pela instituição para apoiar os empreendedores do município, seja por meio de agentes de crédito ou ainda em parcerias com a Associação Comercial em cada cidade, para credenciamento de um Correspondente na cidade. Somente em microcrédito a Fomento Paraná tem liberado mais de 55 milhões de reais por ano para apoiar pequenos negócios.

“Estamos atendendo milhares de empreendedores a cada ano, proporcionando melhoria da renda e da qualidade de vida. Nosso crédito é de baixo custo e estimula o ambiente de negócios porque coloca dinheiro novo em circulação nas comunidades”, afirma Renato Maçaneiro, gerente de Mercado. “Por isso estamos buscando apoio dos prefeitos, que é muito importante para que essa atuação possa se fortalecer e possamos apoiar ainda mais pessoas e empresas no estado.”

Durante o encontro da AMUVI, na sexta-feira, também foi realizada uma Rodada de Negócios com participação do diretor de Operações da Agência Parará do BRDE, Wilson Bley Lipski, e dos diretores da Fomento Paraná. Fomento Paraná e BRDE formam o Sistema Paranaense de Fomento.

CACINOR — Completando a programação, os diretores da Fomento Paraná também participaram de uma reunião dos presidentes das associações comerciais que integram a Coordenadoria das Associações Comerciais e Empresariais do Norte e Noroeste do Paraná (CACINOR). Foi na quinta, 27, em Maringá. O encontro foi marcado para discutir o panorama da sociedade civil organizada na região da coordenadoria. A consultora Marcia Santin explanou sobre como a sociedade civil organizada pode se articular para iniciar o desenvolvimento de um projeto de visão de futuro e planejamento estratégico para a região como um todo.

Os presidentes das associações comerciais também puderam conhecer maiores detalhes do Programa de Correspondentes da Fomento Paraná, apresentado prelo diretor-presidente, Heraldo Neves, e pelo diretor de Mercado, Renato Maçaneiro. O programa consiste em implantar dentro das associações comerciais um correspondente habilitado para oferecer crédito orientado aos empresários em cada município em valores entre R$ 20 mil e R$ 1,5 milhão.